Comida Típica de São Paulo, melhores pratos desta iguaria

Muitas pessoas conhecem o Estado de São Paulo por ser o lugar que não para nunca, principalmente a cidade de São Paulo. A vida acelerada neste estado e cidade apressada é lei. Logo, se você também está de viagem marcada e quer provar o melhor da comida típica de São Paulo, vem com a gente nesse roteiro gastronômico.

Portanto, existem também uma série de comidas típicas de São Paulo que são maravilhosas. Logo, a maioria das pessoas ficam encantadas e tentadas a experimentar essas delícias.

As melhores comidas típicas de São Paulo

Nesta matéria, selecionamos os melhores pratos da comida típica de São Paulo que o povo mais gosta e prepara. Portanto, este conteúdo está imperdível. Então, vamos lá?

Sanduíche de Mortadela

comida típica de São Paulo: Pão com mortadela

Este sanduba é famoso e conhecido pelo Brasil inteiro. Mas, é em São Paulo que ele é reverenciado como algo típico. Em suma, trata-se de um pão com muitas fatias de mortadela. Além disso, pode vir acompanhado com queijo e vinagrete, frio ou quente.

Contudo, ele é praticamente uma refeição, e tem muitas calorias. Sendo assim, tome cuidado ao pedir um e divida com alguém para dar conta.

Coxinha

Uma das melhores comidas típicas de São Paulo

É impossível a pessoa vir a São Paulo e não encontrar Coxinha. Embora, trata-se de um alimento muito difundido no Brasil, o Estado de São Paulo, tem a coxinha como iguaria. 

Há na cidade de Sorocaba, por exemplo, duas coxinhas famosas, a da Padaria Real e a Coxinha de 5 kilos feita por uma irmã da Congregação Cristã. É no estado de São Paulo que estão as melhores coxinhas do Brasil.

Pastel de Feira

É muito comum vir a São Paulo e encontrar feiras. Ainda não se sabe ao certo como isso se tornou típico, mas é algo difundido pelas famílias Japonesas que imigraram para o estado. 

Pessoas de diversos países vêm ao Brasil e São Paulo para comer esta iguaria. Pois, diversos tipos de pastéis feitos por japoneses, chineses, coreanos e brasileiro, cada um faz do seu jeito.

Pizza: Comida típica de São Paulo para celebrar momentos e juntar a família ou amigos

pizza

Se tem uma comida típica de São Paulo que não falta na rotina de alimentação de um bom paulistano (aquele que nasceu ou vive na cidade de São Paulo) é pizza. Logo, nem que seja uma vez por semana. Portanto, seja com a família ou amigos, a pizza no jantar é uma forma de juntar todos e celebrar momentos com amigos ou familiares.

Em suma, a receita sabemos que nasceu na Itália, contudo, a cidade de São Paulo e o estado em si modificou este item alimentício e incrementou ele com vários tipos de molhos e ingredientes. A mais consumida é a meio a meio.

Outra pizza muito consumida é a de Calabresa e a Portuguesa, sendo estas duas depois do famoso queijo com Calabresa as mais famosas. A pizza de brócolis é a mais famosa entre os veganos ou vegetarianos, seguido pela de abobrinha.

Atualmente o Brasil tem uma produção diária de cerca de 1 milhão de pizzas, no entanto, mais de 60% do consumo é apenas no estado de São Paulo. Quer ter uma pizzaria de sucesso? Venha pra São Paulo e monte a sua.

Café da manhã da comida típica de São Paulo

Outra comida típica de São Paulo, é o pão na chapa com pingado (café com pouca quantidade de leite), muito consumido no café da manhã. Ou seja, dificilmente você encontrará um Paulista que não consumiu isso. O pão é prensado com manteiga, e facilmente você encontrará em qualquer padaria.

Hambúrguer

O estado de São Paulo é famoso por ter as melhores hamburguerias do Brasil. Dificilmente você irá encontrar um Paulista que não tenha gosto por essa iguaria. Você encontrará de variadas formas, jeitos e estilos.

Cupim casquerado na grelha

Este é um costume que chegou a pouco tempo para o povo paulista. No entanto, ele chegou fazendo sucesso e foi incorporado ao costume de alimentação. Logo, também se tornou uma comida típica de São Paulo. Ele é servido como petiscos junto a cervejas, polentas e mandiocas.

Comida Árabe

Falafel

No estado de São Paulo, mais precisamente na cidade de São Paulo existe a maior população de árabes de toda a América Latina. A comida árabe é muito consumida neste estado.

Por lá, existem muitos libaneses e sírios. Logo, essa população passou a se dedicar a difundir a sua culinária para o povo paulista. Logo, essas delicias entraram para a lista de comida típica de São Paulo. Portanto, é muito comum encontrar Esfihas, Kibe, Kaftas, Falafels e Kebab.

Cuscuz Paulista

comida típica de São Paulo: Cuscuz vegetariano

Esse é um prato muito famoso da comida típica de São Paulo, e é famoso por este nome por ser proveniente do interior do estado. Logo, o interiorano é conhecido como cuscuz paulista. É servido em bares. Mas, sua presença também é comum no jantar e no almoço.

É muito comum encontrar em bares ou restaurantes paulistas. Trata-se de uma mistura de farinha de milho com inúmeros ingredientes como: Camarão, Ovo, Palmito, Tomate e pode ter outros ingredientes a mais, dependendo do local.

Mas, última criação de Cuscuz paulista foi a versão Vegetariana, e esta tem feito muito sucesso entre as pessoas.

Virado à paulista: Principal prato da comida típica de São Paulo

Finalizando, este é o principal prato da comida típica de São Paulo, e deixamos ele por último. Logo, ele é servido em bares e restaurantes todas as segundas-feiras. Sendo assim, ele o mais fácil de se encontrar e o que mais agrada o paladar dos turistas. Ou seja, é feito com arroz, bisteca de porto, tutu de feijão, linguiça, torresmo, ovo frito e couve.

Lanches e aperitivos da comida paulista 

Sanduíche Bauru é o clássico da comida típica de São Paulo

Um lanche muito comum da comida típica de São Paulo, facilmente encontrado em padarias, lanchonetes e restaurantes é o sanduíche Bauru.

O lanche leva esse nome porque foi criado por um estudante de direito, em Bauru. A receita é composta de: rosbife, picles de pepino, fatias de tomate, e uma mistura de queijos derretidos e estepe no famoso pão francês sem miolo.

Sanduíche de pernil

Um clássico da madrugada da capital paulista é o Estadão, um boteco que fica aberto 24 horas. 

A lanchonete que fica no centro da cidade é a sensação quando o assunto é sanduíche da comida paulista.

Os sanduíches de pernil são servidos com pão francês e recheio de carne. Mas, o carro-chefe da casa, ou seja, o mais pedido é o de pernil.

Apesar de ser um sanduíche, serve bem, podendo inclusive ser considerado uma refeição. É uma ótima opção para o dia, noite e para quem volta tarde de uma festa.

Bolinho de abóbora recheado com carne seca

Esse aperitivo da comida paulista tem o formato de croquete e é recheado com carne seca. Embora seja pequeno, demora cerca de seis horas para ser preparado, tornando ainda mais especial.

O bolinho de abóbora com carne seca é um bom tira gosto para um barzinho com a família ou amigos.

Picadinho de carne é um ícone da comida típica de São Paulo

Como o tempo em São Paulo muda rapidamente e, consequentemente, a temperatura pode cair de uma hora para outra, uma comida  quentinha é sempre bem vindo.

O picadinho de carne composto por filé, cortado em cubos e servido no próprio caldo é uma ótima escolha para os dias mais quentes.

Doces típicos de São Paulo 

Os doces típicos de São Paulo, têm influência caipira e dos imigrantes que povoaram o estado. Entre eles, merecem destaque:

Paçoca é o melhor doce da comida típica de São Paulo

Um dos principais doces típicos da comida de São Paulo que ganhou o mundo e os corações de quem o experimenta é a paçoca.

Imagem mostra a paçoca que é um doce muito comum na comida típica de são paulo

A paçoca de amendoim é um doce muito saboroso, feito à base de amendoim, açúcar e farinha de mandioca. Embora seja um doce tradicional das festas juninas, é apreciado o ano inteiro.

Sonho é o pão com doce de leite da comida típica de São Paulo

Uma figurinha carimbada das padarias de São Paulo é o sonho. O famoso pãozinho redondo de massa doce e bem leve, é recheado com açúcar e um creme, geralmente, feito com doce de leite.

Mas, o doce também pode vir na versão de baunilha, e algumas receitas trazem sonhos recheados com creme de brigadeiro, paçoca ou de limão.

Pamonha doce

A pamonha doce é uma sobremesa nascida no nordeste, mas que ganhou os corações dos paulistas, em especial daqueles que vivem no interior do estado.

Feito com a mistura de milho verde-ralado com leite, açúcar, canela em pó e erva doce, a pamonha pode ser consumida frita, cozida ou assada.

Bolinho de chuva

Um dos doces típicos de São Paulo é o famoso bolinho das casas de vó. O bolinho de chuva feito com ovos, açúcar, canela e farinha de trigo, é ótimo para acompanhar um delicioso cafezinho.

Compota de doce

Uma visita que se preze ao interior paulista, com certeza,tem que provar uma das deliciosas compotas doces feitas na  região.

O doce típico de São Paulo, trata-se de um tipo de conserva de frutas cozidas aos pedaços com adição de açúcar e condimentos, como a canela.

Pudim é muito consumido na comida típica de São Paulo

Impossível uma lista de doces típicos de São Paulo sem incluir o famoso pudim. O pudim de leite é o favorito das sobremesas paulistas.

Imagem mostra o pudim que é um doce muito consumido na comida típica de são paulo

Mas, existem ainda outras variações do doce e, uma delas é o pudim de pão feito com ovos, leite, açúcar e pão francês.

Doce de Bananinha

Os doces de bananinha cristalizados são verdadeiros representantes do pecado da gula em São Paulo. 

Um exemplo típico dessa sobremesa da culinária paulista é o doce de bananinha, feito artesanalmente pelas doceiras no interior do estado.

Bebidas típicas de São Paulo 

Veja agora a seleção de algumas bebidas típicas de São Paulo que elaboramos para você. São elas:

Quentão Paulista

Essa bebida típica de São Paulo é a tradicional bebida das festas juninas. Aquela que provavelmente você vai encontrar facilmente sendo vendida nas barraquinhas da festa junina da sua cidade.

O poder que a bebida tem de esquentar o corpo não tem uma origem comprovada. Mas, sabe-se que deve ter surgido no interior dos estados paulistas, onde os moradores rurais passaram a misturar pinga com gengibre e especiarias e ferver tudo.

Essa mistura resultou em uma bebida ótima para aguentar o inverno e também para atiçar o paladar.

Caipirinha

Imagem mostra a caipirinha, que é uma bebida muito consumida em São Paulo

Uma curiosidade a respeito dessa bebida típica de São Paulo é que várias cidades do interior paulista reivindicam a autoria da bebida como:

  • Monte Alto;
  • Pirangi;
  • Matão;
  • Jaboticabal;
  • Taquaritinga.

Outra curiosidade sobre a bebida é que muitos acreditam que ela tenha sido inventada por causa da grande quantidade de limões que existiam no interior de São Paulo e, por isso, se fez necessário achar uma forma de utilizá-los.

Tubaína

A primeira tubaína foi criada na região de Jundiaí, no interior de São Paulo, com o nome de Turbaína.

O nome dessa bebida típica de São Paulo se popularizou rapidamente, devido ao fato de que, entre as décadas de 1940 e 1950, outras fábricas de refrigerantes também passaram a produzir sabores parecidos aos da Turbaína.

Desse modo, eles pediram autorização ao proprietário da marca para usarem o sufixo dela em seus produtos. Como vimos, o que não faltam são opções de bebida para acompanhar a comida típica de São Paulo.

Ingredientes da comida típica de São Paulo

Como já vimos acima, a base da culinária paulista carrega a história do povoamento de São Paulo, que foi marcado pelo encontro de culturas indígenas e européias, além dos colonizadores portugueses.

Entre os ingredientes mais comuns da comida típica de São Paulo, destacam-se:

  • Farinha de mandioca;
  • Feijão,
  • Milho,
  • Jaboticaba,
  • Abóbora;
  • Trigo;
  • Pinhão;
  • Pitanga;
  • Carne e peixes.

Origem da comida típica de São Paulo

São Paulo é conhecida pela riqueza e diversidade da comida paulista, onde se pode encontrar exemplares da culinária de vários cantos do mundo. Resultado da influência dos imigrantes que se fixaram no estado.

A culinária paulista tem suas raízes na mistura das influências dos índios, portugueses e africanos. Do século XIX em diante, o caldeirão paulista foi ganhando e se apropriando de ingredientes e pratos trazidos pelos diversos imigrantes.

Nos séculos XVI e XVII, São Paulo era muito pobre. A vida era muito difícil e a pouca variedade de alimentos forçava os primeiros colonizadores a serem criativos para se sustentarem com o que a terra tinha.

Por esse motivo, os hábitos alimentares indígenas foram fortemente absorvidos pelos portugueses e pelos primeiros paulistas nativos. Eles se alimentavam de:

  • Carne de caça;
  • Peixes;
  • Legumes;
  • Raízes, como a mandioca, por exemplo;
  • Pinhão;
  • Frutas nativas e milho.

O milho inclusive, virou base para muitos preparados que continuam sendo consumidos até hoje, como: pamonha, canjica, curau e farinha de milho.

A comida típica de São Paulo teve uma influência muito forte das mais variadas culturas. Começando com os portugueses, franceses, africanos, italianos, alemães, japoneses, entre outros.

Por ser recheada com as mais variadas culturas, a cozinha paulista agrega fatores diferenciados entre a capital, o litoral e o interior do estado.

Influenciada pelo mar, a culinária praiana abusa de elementos da cultura portuguesa como bolinhos, ensopados e caldeiradas.

Já no interior, você vai encontrar a tradição caipira entre a população mais simples, que apesar de ter praticamente desaparecido, ainda sobrevive em pratos típicos como o feijão gordo, a mandioca frita e o arroz carreteiro.

Alguns lugares chamam a atenção como Barretos que exala a comida típica dos tropeiros, e Campos do Jordão que é referência gastronômica no estado,e onde o fondue é uma preferência.

O interior paulista foi muito importante na formação da culinária do estado. Com uma variedade de pratos, normalmente feitos no fogão dos tropeiros, a cozinha caipira agregou receitas como doce de banana, afogado, virado à paulista, frango caipira, vaca atolada, entre outros.

No litoral os pratos eram feitos pelos caiçaras, com base na pesca e no cultivo de produtos da mata.

Eles foram os principais responsáveis pela introdução dos pratos da comida típica de São Paulo, feitos com peixe e farinha, como o pirão.

Perguntas frequentes sobre a comida paulista

Existe um prato cultural para cada dia da semana em São Paulo?

Embora não exista um prato definido para cada dia da semana, o de segunda-feira é garantido: O virado à Paulista. Um dos pratos mais calóricos e tradicionais da capital paulista.

O que os paulistas comem na janta?

Em São Paulo, não existe um prato definido para o jantar, tendo em vista que são muitas opções e os gostos podem variar de pessoa para pessoa. Contudo, os principais pratos paulistas que podem ser saboreados perfeitamente no jantar são: cuscuz à paulista, picadinho de carne, churrasco grego, entre outros.

Qual é a comida mais famosa de São Paulo?

A comida mais famosa dos paulistanos e também a melhor companhia para o café da manhã paulista é o famoso pão na chapa, encontrado em qualquer padaria ou lanchonete, e acompanhado do clássico pingado, uma espécie de café com leite.

Deixe uma resposta