Comida afro-brasileira

Existem muitos pratos da comida afro-brasileira que se adaptaram e fazem parte da culinária do povo Brasileiro. Desde o momento em que os Portugueses chegaram ao Brasil, diversos costumes se integraram à nossa sociedade.

Infelizmente a escravidão é algo triste na história da criação do Brasil, mas os tempos hoje são outros e devemos comemorar a liberdade! Nesta matéria reconhecemos, respeitamos e valorizamos a cultura negra e toda a sua presença na nossa cultura nos dias de hoje em todas as suas formas.

Pratos mais conhecidos da comida afro-brasileira

Os dois pratos mais conhecidos da cultura afro-brasileira, são:

Feijoada

Feijoada, um dos melhores pratos da  comida afro-brasileira

Dizem que os portugueses tinham como costume fazer este prato cozido. Mas, quando chegou ao Brasil, adaptou-se para se preparar com os ingredientes que já tinham disponíveis por aqui.

Mas no estado do Rio de Janeiro que ela se tornou popular e passou a ser consumida por todos. Hoje em todo o país é muito comum encontrar este prato sendo vendido às quartas-feiras e sábado

Abará

Abará

Esse prato da comida afro-brasileira, semelhante ao acarajé é feito com massa de feijão fradinho. Mas, existem diversos temperos a se adicionar, e muitas pessoas gostam de colocar camarão inteiro na sua mistura no momento de fazer a massa.

Ele é menos famoso que o primo acarajé. Porém, ele também é um prato típico da culinária baiana. Diferente do acarajé, o abará, não é frito, mas, envolvido em folhas de bananeira e é cozido no banho-maria. Além disso, algumas pessoas gostam de servi-lo com bastante recheio de caruru ou de vatapá.

Mungunzá

Esse tipo de comida tem como base grãos de milho amarelo ou branco cozidos com açúcar e leite. Atualmente ela se modernizou, e novos complementos passaram a fazer parte desse prato afro-brasileiro, como a canela, leite de coco e outros.

Este prato poderá ser feito em duas versões, a doce e a salgada. A salgada poderá ser feita com carne de porco, carne de sol ou carne seca. Nos estados do nordeste ele é famoso como Canjica, quando na versão doce.

Vatapá

comida afro-brasileira: Vatapa

Este prato é muito comum no estado da Bahia. Ou seja, basicamente é um creme com pão amanhecido molhado. E também pode ser feito com farinha de mandioca ou trigo.

Além disso, é temperado com coentro, pimenta, cebola, cravo, azeite de dendê e outros ingredientes a gosto. Ele fica bem semelhante com o bobó de camarão, e pode acompanhar frutos do mar ou peixes, por exemplo.

Comida afro-brasileira: Angu ou Polenta

Prato delicioso da comida afro-brasileira

Dificilmente você verá um Brasileiro que nunca comeu Angu. Esta comida típica africana em sua originalidade era feita com inhame, mas no Brasil ela foi modificada. Atualmente a mistura é feita com fubá e água.

Esta comida é extremamente simples de se fazer. Por isso, é muito comum por todo o país. Além disso é barata e sustenta bastante. Pode-se servir com carnes, como miúdos de porco ou boi, mas, já nessa versão ela se chama “Angu Baiano”, por ser mais cremoso.

Mas, existem ainda algumas pessoas que conhecem essa comida afro-brasileira como polenta.

Pamonha

A pamonha, como se conhece nos dias de hoje, é na verdade uma variação do prato Acaçá. Em suma, era um bolinho de milho, enrolado em folhas verdes de bananeira o qual se servia com caruru ou vatapá, principalmente na Bahia.

Atualmente, existem pamonhas feitas na versão doce ou salgada. Em suma, esse prato é feito de milho triturado, que enrolado na palha do milho, é cozido em água fervente, até que pegue um corpo consistente e macio de se comer.

Cuscuz

cuscuz

Este prato da comida afro-brasileira, é feito com farinha de milho ou flocos de milho. Logo, adiciona-se água e sal, e normalmente é comum ter manteiga, queijo, ou ovo. Na grande maioria das vezes, deve-se consumir pela manhã.

Mas, no hábito do brasileiro, é comum de se consumir à tarde com carnes ou à noite com legumes e verduras. Nos tempos modernos foi feita a versão com leite de coco e açúcar.

Cocada

Devido a popularidade e facilidade de encontrar coqueiros nas costas brasileiras, e principalmente em fazendas, se tornou comum ralar coco. A mistura do coco com calda de açúcar deu origem a essa comida afro-brasileira chamada “Cocada”.

Porém, existem várias formas e maneiras de preparar o doce, como por exemplo, cocadas claras ou cocadas escuras. Desde as secas até as mais cremosas, e isso tudo vai depender do tempo que ela ficou no fogo.

Comida afro-brasileira de origem portuguesa: Quindim

Este doce tem origem em Portugal com o nome de Brisa-do-Lis, e era feito com açúcar e gemas de ovos. Este é um clássico principalmente por ser servido com amêndoas. No Brasil ele ganhou o coco ralado por ser mais comum de se encontrar.

Sendo esta modificação que deu origem ao Quindim Brasileiro e aqui se tornou bem popular.

Deixe uma resposta