O biscoito de polvilho, uma tradição culinária irresistível que transcende as fronteiras do Brasil, é mais do que um simples petisco.

Ele incorpora a essência da cultura brasileira, com suas raízes profundamente plantadas nas cozinhas das regiões do Sudeste e Centro-Oeste, e tem a capacidade de transportar qualquer um para um mundo de sabores únicos com cada mordida.

Esse artigo irá mergulhar na rica história e nas variadas receitas do biscoito de polvilho, explorando suas versões assadas e fritas, doces e azedas, e trazendo à luz a maravilha simples que este biscoito de mandioca representa.

Independentemente de ser consumido como lanche da tarde ou acompanhamento de uma refeição principal, o biscoito de polvilho é uma delícia versátil que encanta paladares e conquista corações, reforçando sua posição como um tesouro inestimável na culinária brasileira.

O que é o biscoito de polvilho?

Em suma, o biscoito de polvilho, também conhecido como pão de queijo quando adicionado queijo à receita, é uma pequena maravilha da culinária brasileira.

Feito a partir de polvilho, um amido extraído da mandioca, esse biscoito é leve, crocante e tem um sabor suave que combina perfeitamente com uma xícara de café ou uma taça de vinho.

No entanto, o encanto do biscoito de polvilho reside na sua simplicidade: uma mistura de ingredientes básicos que, quando combinados, resultam em algo verdadeiramente mágico.

A origem do biscoito de polvilho

A história do biscoito de polvilho está profundamente enraizada na cultura brasileira. O polvilho, seja ele azedo ou doce, é extraído da mandioca, uma planta nativa da América do Sul que desempenhou um papel crucial na alimentação dos povos indígenas.

Acredita-se que o biscoito de polvilho tenha suas origens em Minas Gerais, um estado rico em cultura gastronômica, mas o uso do polvilho na culinária é uma prática comum em todo o país.

O biscoito de polvilho surgiu como uma solução prática e deliciosa para o aproveitamento do polvilho, criando um alimento que podia ser facilmente armazenado e consumido.

Embora Minas Gerais seja considerada o berço do biscoito de polvilho, cada região do Brasil tem sua própria versão desse amado petisco.

Há quem prefira assado, outros fritos, uns optam pela versão doce e outros ainda pela azeda, por exemplo.

Imagem mostra o biscoito de polvilho

Mas, de uma forma ou de outra, o biscoito de polvilho se mantém como um símbolo da diversidade e criatividade da culinária brasileira.

Ao longo dos séculos, a receita do biscoito de polvilho foi passada de geração em geração, sendo amada e apreciada por todos, de crianças a idosos.

Com sua textura única e sabor incomparável, o biscoito de polvilho conquistou seu lugar no coração da gastronomia brasileira e na mesa de todos que tiveram o prazer de prová-lo.

Biscoito de Polvilho: Variações e receitas

O biscoito de polvilho é uma especialidade culinária popular no Brasil, especialmente nas regiões do Sudeste e Centro-Oeste.

A depender da receita e do preparo, esse delicioso petisco pode ser assado, frito, doce ou azedo. Mas, para você entender melhor, iremos falar em detalhes a seguir:

 Biscoito de Polvilho Assado

Cuisine: BrasileiraDifficulty: Médio
Porções

40

porções
Tempo de Preparo

19

minutes
Tempo de Cozimento

20

minutes
Calories por porção

30

kcal
Tempo Total

39

minutes

Veja abaixo os ingredientes e instruções para fazer a receita de polvilho assado.

Ingredientes

  • 500g de polvilho azedo

  • 1 xícara de água

  • 1 xícara de óleo

  • 3 ovos

  • Sal a gosto

Instruções

  • Em uma panela, aqueça a água e o óleo até ferver.
  • Em uma tigela grande, adicione o polvilho azedo e sal. Despeje a mistura fervente sobre o polvilho e misture.
  • Adicione os ovos um a um, amassando bem até que a massa fique homogênea.
  • Modele os biscoitos e coloque-os em uma forma untada.
  • Asse em forno pré-aquecido a 180°C por cerca de 20 minutos ou até dourar.

Video

Notas

  • Viu como é simples

1. Biscoito de Polvilho Assado

  • Porções: 40 biscoitos
  • Tempo de Preparo: 20 minutos
  • Tempo de Cozimento: 20 minutos
  • Tempo Total: 40 minutos
  • Calorias por Porção: 30 kcal
  • Dificuldade: Fácil
  • Origem: Brasil, especialmente Minas Gerais

Ingredientes:

  • 500g de polvilho azedo
  • 1 xícara de água
  • 1 xícara de óleo
  • 3 ovos
  • Sal a gosto

Modo de Preparo:

  1. Em uma panela, aqueça a água e o óleo até ferver.
  2. Em uma tigela grande, adicione o polvilho azedo e sal. Despeje a mistura fervente sobre o polvilho e misture.
  3. Adicione os ovos um a um, amassando bem até que a massa fique homogênea.
  4. Modele os biscoitos e coloque-os em uma forma untada.
  5. Asse em forno pré-aquecido a 180°C por cerca de 20 minutos ou até dourar.

2. Biscoito de Polvilho Frito

  • Porções: 40 biscoitos
  • Tempo de Preparo: 20 minutos
  • Tempo de Cozimento: 30 minutos
  • Tempo Total: 50 minutos
  • Calorias por Porção: 60 kcal
  • Dificuldade: Fácil
  • Origem: Brasil, especialmente Goiás

Ingredientes:

  • 500g de polvilho azedo
  • 250 ml de água
  • 250 ml de óleo
  • 3 ovos
  • Sal a gosto
  • Óleo para fritar

Modo de Preparo:

  1. Siga os mesmos passos da receita de biscoito assado até a modelagem dos biscoitos.
  2. Em uma panela, aqueça o óleo e frite os biscoitos até que fiquem dourados.

3. Biscoito de Polvilho Doce

  • Porções: 40 biscoitos
  • Tempo de Preparo: 20 minutos
  • Tempo de Cozimento: 20 minutos
  • Tempo Total: 40 minutos
  • Calorias por Porção: ~35 kcal
  • Dificuldade: Fácil
  • Origem: Brasil, amplamente distribuído

Ingredientes:

  • 500g de polvilho doce
  • 200g de açúcar
  • 200 ml de leite
  • 200 ml de óleo
  • 2 ovos
  • Açúcar para polvilhar

Modo de Preparo:

  1. Siga os passos da receita de biscoito assado, substituindo o polvilho azedo pelo polvilho doce e adicionando o açúcar à mistura de polvilho antes de adicionar os líquidos ferventes.
  2. Antes de assar, polvilhe um pouco de açúcar sobre os biscoitos.

4. Biscoito de Polvilho Azedo

  • Porções: 40 biscoitos
  • Tempo de Preparo: 20 minutos
  • Tempo de Cozimento: 20 minutos
  • Tempo Total: 40 minutos
  • Calorias por Porção: ~30 kcal
  • Dificuldade: Fácil
  • Origem: Brasil, especialmente Minas Gerais

Ingredientes:

  • 500g de polvilho azedo
  • 1 xícara de água
  • 1 xícara de óleo
  • 3 ovos
  • Sal a gosto

Modo de Preparo:

  1. Siga os passos da receita de biscoito de polvilho assado, que é feito com polvilho azedo.

Essas receitas podem variar em termos de quantidade de ingredientes e técnicas de preparo, mas todas elas proporcionam deliciosos biscoitos de polvilho que podem ser apreciados a qualquer hora do dia.

Biscoito de Polvilho é uma opção saudável?

Quando falamos em alimentação saudável, é comum surgir a dúvida: será que o biscoito de polvilho se encaixa nesse conceito?

Imagem mostra o biscoito de polvilho

A resposta depende de vários fatores, incluindo a quantidade consumida, a forma de preparo e a dieta global do indivíduo.

O biscoito de polvilho é feito de ingredientes simples: polvilho (azedo ou doce), água, óleo, ovos e sal. Em geral, não contém glúten, o que o torna uma opção viável para pessoas com doença celíaca ou sensibilidade ao glúten.

Além disso, o polvilho é uma fonte de carboidratos complexos, que liberam energia lentamente no organismo, mantendo você saciado por mais tempo.

No entanto, é preciso lembrar que, como muitos alimentos, o biscoito de polvilho deve ser consumido com moderação.

Afinal de contas, ele pode ser bastante calórico, especialmente quando frito, e sua receita pode levar uma quantidade significativa de sal.

Portanto, se você está monitorando sua ingestão calórica ou de sódio, pode ser necessário limitar o consumo de biscoito de polvilho ou optar por uma versão assada, que tende a ser menos calórica.

Além disso, embora o biscoito de polvilho seja uma delícia, ele não é uma fonte significativa de nutrientes como vitaminas e minerais.

Assim, ele deve ser parte de uma dieta equilibrada que inclua uma variedade de alimentos ricos em nutrientes.

Em suma, o biscoito de polvilho pode ser parte de uma alimentação saudável se consumido com moderação e como parte de uma dieta equilibrada. Como também acontece com o bolo de milho na airfryer.

Como sempre, se tiver dúvidas sobre sua dieta ou necessidades nutricionais específicas, é melhor consultar um profissional de saúde ou nutricionista.

Perguntas Frequentes sobre Biscoito de Polvilho

O biscoito de polvilho é sem glúten?

Sim, o biscoito de polvilho é naturalmente livre de glúten, pois é feito com polvilho, que é um amido extraído da mandioca. No entanto, sempre verifique os rótulos dos produtos para garantir que não haja contaminação cruzada se você for extremamente sensível ao glúten.

O biscoito de polvilho é vegano?

A receita tradicional de biscoito de polvilho não é vegana, pois inclui ovos. No entanto, existem versões veganas que usam substitutos para os ovos, como linhaça ou chia.

Como posso armazenar biscoito de polvilho?

O biscoito de polvilho pode ser armazenado em um recipiente hermético em temperatura ambiente por até uma semana. Para manter a crocância, evite guardar em lugares úmidos.

Posso congelar a massa de biscoito de polvilho?

Sim, você pode congelar a massa de biscoito de polvilho. Modele os biscoitos, coloque-os em uma bandeja forrada com papel manteiga e leve ao congelador. Uma vez congelados, você pode transferi-los para um saco plástico ou recipiente adequado para congelamento. Eles podem ser assados diretamente do congelador, apenas ajuste o tempo de cozimento conforme necessário.

O biscoito de polvilho é saudável?

O biscoito de polvilho é livre de glúten e pode ser parte de uma alimentação saudável se consumido com moderação. No entanto, ele pode ser alto em calorias e sódio, especialmente se for frito. É sempre importante equilibrar o consumo de biscoito de polvilho com outros alimentos nutritivos e manter uma dieta equilibrada e variada.

Posso fazer biscoito de polvilho sem ovos?

Sim, você pode fazer biscoito de polvilho sem ovos, embora a textura possa ser um pouco diferente. Substitutos comuns para os ovos incluem linhaça, chia ou mesmo bananas amassadas.